Informação de qualidade
sobre tudo que acontece
nas cidades do Estado do Rio

Aqui você encontra:

Samba no Parque das Ruínas atrai turistas em Pinheiral

parque das ruinas pinheiral
Facebook
WhatsApp
Twitter

Samba no Parque das Ruínas atrai turistas em Pinheiral

parque das ruinas pinheiral
Facebook
WhatsApp
Twitter

Foi divulgando a cultura africana e também do samba, que o Jongo de Pinheiral atraiu não só moradores da cidade, mas também de cidades vizinhas no evento “Samba nas Ruínas”, realizado no último final de semana (03), no Parque das Ruínas, em Pinheiral. O evento contou também não só com apresentações de “pratas da casa” com as rodas de samba com o grupo Jeito de Ser, de Capoeira do Mestre Beto e do Jongo de Pinheiral, mas também do Rio de Janeiro com a participação do Quilombo do Grotão, de Niterói, o Grupo Mironga. Incentivando a cultura local, a ação teve o apoio da Prefeitura Municipal de Pinheiral, através da Secretaria Municipal de Esporte, Cultura, Lazer e Turismo.

O prefeito de Pinheiral, Ednardo Barbosa, foi uma das pessoas que fez questão de comparecer para experimentar a feijoada promovida pelo Jongo e prestigiar as atrações do evento. Como ele, quem compareceu teve ainda a oportunidade de aproveitar atrações como a Feira Criativa com venda de artesanato e área kids com brinquedos para as crianças.

“É importante apoiar manifestações culturais na cidade. E, o grupo de Jongo de Pinheiral, representa muito bem não só história do nosso país, mas também da nossa cidade. Essa semana promovemos também eventos de valorização e incentivo aos nossos artesãos, artistas e coralistas. Um deles foi realizado ontem (05/11) para comemorar o Dia Nacional da Cultura, com expressões culturais da cidade como a Folia de Reis Jornada Sagrada Estrela Guia do Oriente, da Associação de Capoeira Angola Nagô, do Coral Sol Nascente e a nossa juventude que fez a apresentação de dança contemporânea e também mostrou o seu rap com a Juventude no Flow”, disse o prefeito.

A professora, membro do Grupo Jovem de Pinheiral e presidente do Jongo da cidade, Maria Amélia da Silveira Santos, avaliou como positivo o evento e informou que já há pedido para a realização de um novo.

“O evento foi lindo. Contou com aproximadamente 1.000 pessoas, da cidade e também de Resende, Rio de Janeiro e das cidades mais próximas. Tivemos Feira de Expositores da região com roupas e acessórios de temática afro, doces e canecas. As famílias puderam comparecer, as crianças brincaram e se divertiram no espaço kids. Providenciamos um lounge para as pessoas descansar e assistir ao show de um mirante e as ruínas formaram um belo cenário para as fotos dos visitantes. As pessoas chegaram cedo para a feijoada e quem não queria feijoada ainda teve opção de churrasquinho. No bar tivemos cerveja, água, refrigerante e ainda contamos com um especialista em drinks. Ficamos muito felizes com o retorno que as pessoas presentes nos deram, todos gostaram do evento e pediram que já programássemos o próximo. Pedido que já estamos atendendo, de olho no próximo Kizomba.”, disse Memeia.

A comerciante de Volta Redonda, Cristine Fernandes, foi uma das pessoas que aproveitou o evento para conhecer um pouco mais da cidade com a família. “Sempre tinha ouvido falar do Parque das Ruínas, mas não tinha tido a oportunidade de vir conhecer e, ao saber desse evento, aproveitei e uni o útil ao agradável. Adorei ver toda a cultura dos meus ancestrais bem representada em tantos grupos que encontrei no evento como o Jongo de Pinheiral”, disse.

PUBLICIDADE

Comentários


RJ Cidade ® 2020 Todos os direitos reservados.

Siga o RJ Cidade nas Redes:

Envie sua denúncia ou
sugestão de matéria

Siga o RJ Cidade nas Redes:

Envie sua denúncia ou
sugestão de matéria


RJ Cidade ® 2020 Todos os direitos reservados.

Siga o RJ Cidade nas Redes:

Envie sua denúncia ou
sugestão de matéria


RJ Cidade ® 2020 Todos os direitos reservados.